7 ideias de tirar o máximo partido dos corredores e como decorá-los

No final deste artigo Dizemos-lhe como tirar o máximo partido dos corredores e como decorá-los sem gastar muito e ainda lhe vamos apresentar 7  ideias para aproveita-los sem gastar muito.



1 – Frisos e cor para dar mais calor

A iluminação e a escolha acertada da cor conseguíra tornar este corredor um local bastante acolhedor.Parede renovada.

Na parte inferior foi realizado um friso com quadrados de papel da marca Sanderson,42 €/rolo, por Gancedo. A zona superior em verde-claro foi decorada com quadrados do IKEA, 299 €/cd.

Para iluminar o fundo. Sobre o móvel foi colocado um candeeiro com abajur, 19€, de Borgia Contí, e um aplique de parede, à venda nas lojas Leroy Merlin.



2- Ganhar mais espaço com estantes.

A largura disponível nesta zona de passagem, com 1,30 m, permitiu criar uma zona de arrumação para arrumar livros e, ainda, outros objectos:

Uma estante de obra. Foi realizada aproveitando quase toda a extensão e a altura do corredor. Para integrá-la na restante decoração foi pintada no mesmo tom areia das paredes e as prateleiras destacadas num tom branco.Com armários embutidos. Foram instalados ao fundo e funcionam como arrumos. Realizados à medida, do chão ao tecto, com portas de ripas lacadas na tonalidade branco.

3-  Decorado com ‘ tinta e papel de parede”.

Este recurso permitiu quebrar a monotonia deste corredor, que era muito comprido e estreito.

Um friso para encurtar. Está pintado em azul-celeste e ajuda a tirar profundidade. Ao mesmo tempo, a moldura aumenta visualmente a largura do espaço.

Riscas para estilizar. O papel de El Corte Inglés foi colocado na metade superior da parede, pelo que faz o tecto ganhar altura.

4 -Mais luminoso com tons verdes verdes e brancos.

A combinação de ambos confere luz e frescura a esta zona de passagem totalmente renovada.

Com área de arrumação. Aproveitando uma coluna, foi realizado um friso de armários brancos, que contrastam com o tom verde-azeitona da parede.

Uma nota de calor é dada pela madeira do chão e pelos tapetes. Como sãovários, encurtam o espaço.

Detalhes muito bem escolhidos. Foi colocada uma fotografia grande ao fundo, com o candeeiro Fado, 9,99 €, do IKEA.

5-  Para ampliar visualmente o espaço

Para que este corredor parecesse mais amplo e de modo a dar-lhe utilidade, fizemos o seguinte:

Friso foriado. As riscas horizontais fazem com que o espaço pareça mais amplo. A moldura de remate tem 10 cm de largura, o que permite utilizá-la como ponto de apoio de vários quadros.

Móveis estreitos. Foram colocadas duas sapateiras,120 €, de Musgo, com pouca profundidade, que permitem a passagem.

6- Uma janela para ter mais claridade

Com boas ideias e uma pequena remodelação deu-se luz a este corredor:

Para dar luz natural ao corredor, na parede que o separa da cozinha abriu-se um espaço que foi envidraçado e no qual foram colocadas molduras de madeira tal como no resto da parede. Esta, além disso, amplia o espaço.

Halogéneos no tecto. Colocar vários focos de halogéneo encastrados e alinhados no tecto deste corredor comprido foi a opção escolhida para iluminar toda a zona.

7  Uma porta de correr para separar

É a solução pela qual se optou para delimitar a sala de estar dos quartos, aos quais se tem acesso através do corredor.

Para ganhar intimidade. A sua grande vantagem é permitir isolar ambas as zonas visual e acusticamente quando necessário e, como desliza, não rouba metros. Aqui, desloca-se sobre calhas no tecto para reforçar a sensação de amplitude.

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *