APARAFUSAR, PREGAR

Os parafusos, os pregos são os instrumentos das técnicas de fixação e união mais frequentemente utilizados. Enquanto as ligações feitas com parafusos podem ser posteriormente desfeitas, os pregos  são usados para fixações definitivas.

parafusos
PARAFUSOS
Os parafusos distinguem-se segundo a rosca, o diâmetro e o comprimento, bem como pela forma da cabeça e o tipo de acionamento.
Designam-se parafusos roscados os parafusos que necessitam de uma contra espiral (espiral interna), por exemplo sob a forma de uma porca. Os parafusos para madeira também têm uma rosca, mas esta é autossuficiente e produz por si só a espiral contrária necessária ao aparafusamento.
Formas da cabeça: quando se realizam trabalhos com madeira e derivados de madeira utilizam- se sobretudo parafusos de cabeça chata, que podem ser inseridos à face da superfície da peça que se está a trabalhar.
É por essa razão que a indicação do comprimento dos parafusos de cabeça chata abrange o comprimento total incluindo a cabeça, contrariamente aos outros parafusos em que acabeça fica acima da superfície. Os parafusos de cabeça redonda, cabeça de lentilha ou cabeça saliente são usados sobretudo para fixar ferragens, placas e frisos.

Existem também parafusos com cabeças cilíndricas e com cabeças sextavadas, aparafusados com chaves de paraf usos. Os paraf usos sem fenda (designados parafusos de carroça) têm uma cabeça redonda e lisa que dificultaautilização deferramentas. Só podem ser desapertados a partir do lado da porca.
Uma cunha quadrada localizada por baixo da cabeça impede que o parafuso rode juntamente com a porca quando esta é apertada ou desapertada.
Acionamento: as formas mais frequentes de impulsionar os parafusos para madeira são afenda plana e as duas variantes de fenda cruzada: Phillips e Pozidrive. O parafuso Phillips impôs-se entre os parafusos para chapa, e o parafuso Pozidrive entre os parafusos usados nos trabalhos com madeira. O parafuso Pozidrive tem flancos mais direitos e mais fendas do que o parafuso Phillips, para evitar que a chave de fendas escorregue. Os para- fusos Pozidrive são fáceis de reconhecer por terem uma maior quantidade de fendas.

A cabeça lembra uma cruz dupla. A chave defendas Pozidrive também é fácil de reconhecer devido ao maior número de flancos. Este facto é importante para o utilizador, pois, se usar a chave errada, não será possível desaparafusar os paraf usos bem apertados, que ficarão apenas estragados. A chave de fendas deve corresponder ao parafuso não só na forma como no tamanho.
Todos os compradores de móveis para montar em casa conhecem os parafusos com seis arestas interiores, os parafusos sextavados de cabeça em copo, ou parafusos Allen.
Nas instalações industriais, automóveis ou aparelhos são utilizadas outras soluções de acionamento com o objetivo de evitar que pessoas estranhas soltem ou retirem inclusive os parafusos.
Os parafusos Torx têm uma estrela de seis pontas com cantos redondos comoformade acionamento. Comparativamente com o acionamento por fendas simples ou cruzadas, o acionamento Torx tem a vantagem de permitir binários mais elevados e de o perigo da chave escorregar ser mais reduzido.

Atualmente, os parafusos para madeiraclássicos, com rosca pontiaguda, estão a ser substituídos em grande parte por parafusos para aglomerado, também designados parafusos Spax. Têm uma rosca mais acentuada e um núcleo mais estreito, pelo que dispensam furos prévios, necessários no caso dos parafusos para madeira. Na sua maioria, os parafusos para aglomerado em zincado amarelo têm todas as qualidades para se tornarem parafusos universais, uma vez que são adequados para madeiras duras e macias, plásticos e até chapas finas.
Já os verdadeiros parafusos para chapa têm uma rosca mais estreita e menos marcada. Talham a rosca da porca até mesmo em chapa.

Os parafusos roscados têm uma rosca normalizada, geralmente no sistema métrico, e são compatíveis com todas as roscas internas e porcas da mesma norma.

parafusos

BITS DE BROCAS
Para aparafusar com um berbequim semfios ou umafuradeirasão necessárias lâminas para chave de parafusos, também conhecidas por bits. Tal como as ponteiras das chaves de parafusos, os bits também têm de corresponder ao tipo de cabeça do parafuso. Os bits mais caros apresentam camadas complementares de partículas cerâmicas, titânio ou pó de diamante para evitar que, sob uma carga elevada, o bit escorregue para fora da cabeça do parafuso e rode em falso.
Alguns fabricantes de paraf usos fornecem logo os bits adequados juntamente com os parafusos.

 

DICA: COMO SOLTAR PARAFUSOS MUITO APERTADOS

Quando realizamos trabalhos de reparação muitas vezes deparamo-nos com parafusos muito apertados. Se a rosca  do parafuso estiver ligeiramente enferrujada, a aplicação de um REMOVEDOR DE FERRUGEM pode fazer milagres. Se faltam as forças para desapertar o parafuso, nalgumas chaves defendas é possival montar uma CHAVE DE PARAFUSOA numa aresta sextavada por baixo do punho da ferramenta.

Desta forma consegue-se alcançar um binario claramente mais elevado. Outras chaves de fendes têm um orificio no punho, que não serve só para pendurar, pois é precisamente ai que se poda inserir outra chave de fendas e criar um efeito de alavanca. Os parafusoa bloqueados muitas vezes conseguem-se soltar colocando a chave defendas em diagonal e dando pancadas com um martelo na chave para tentar forçar o parafuso a rodar.

PARAFUSQS PARA MADEIRA COM GRAO CRUZADO

Se for necessário inserir parafusos em madeira com grão cruzado (no sentido do veio), para ficarem bem seguros, os mesmos deverão ser aparafusados numa bucha de madeira colada transversalmente ao sentido do veio.
Para tal cola-se uma bucha de madeira ou um bocado de haste de uma bucha dentro da ripa e depois serra-se à face. Finalmente, os parafusos para madeira são inseridos na madeira da bucha.
parafusos

.

.

.

prego

PREGOS

Os pregos constituem uma forma simples de realizar uma união, mas exigem alguma práticae o correto manejamentodo martelo. Escolha um martelo com um peso ajustado ao prego.
A ponta aguçada da cabeça do martelo, chamada orelha, é útil para o posicionamento inicial do prego e protege os dedos. A superície grande ligeiramente abaulada é designada por face do martelo. É usada paracravaros pregos com pancadas fortes. Se o prego se entortar, arranque-o e substitua-o por um novo.
Escolha o tamanho e o tipo do prego de acordo com o material e o objeto aprender. Os pregos lisos com cabeça lisa ou estriada são designados por pregos de arame. Os pregos de arame de cabeça pequena ou pinos para remates podem ser cravados profundamente (com recurso a um punção) e tapados com massa. Os pregos finos na cor do material da obra tornam-se quase invisíveis. Para fixar telas de isolamento ou folhas de chapa devem ser usados pregos decabeçagrande, mas, se se tratar de uso exterior ou de tela de isolamento paraforraro telhado, deverá ser escolhido um modelo zincado. Para prender materiais de revestimento, os mais indicados são os pregos de estofador ou tachas. Parapendurarquadros nas paredes é preferível usar pregos de aço. Os pregos roscados com uma leve espiral são especialmente adequados para a montagem de tábuas, soalhos e degraus de escadas.

A rosca contribui para manter durante mais tempo a posição inicial e para evitar o ranger da madeira.A utilização de cola pode reforçar ainda mais a resistência de uma ligação feita com pregos. Por outro lado, os pregos também servem para fixar as peças da obra quando estas têm de ser coladas, para evitar que comecem a “deslizar”. Os pregos curtos sem cabeça são ideais para fixar de forma invisível as peças a colar.

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *