Dez ideias e truques para escolher o pavimento

 

.

A decisão de mudar o chão deve ser bem meditada, uma vez que, se se arrepender, será mais complicado voltar atrás, damos-lhes dez ideias e truques muito úteis para acertar.

 

1 – Se tem crianças 

ou mascotes, laminados!
Para chão com muito desgaste diário são perfeitos porque resistem a arranhões, impactos, golpes, queimaduras e não

 

absorvem as manchas. São feitos de um acabamento plástico sobre uma base de derivados da madeira. Não pode lixá-los ou envernizá-los.

2 – Mude-o sem fazer obras

Outra vantagem dos laminados é que se instalam facilmente sobre o chão anterior com o sistema de dique, encaixando as tábuas entre si. Pode-se andar logo em cima.

 

3 – Escolha madeiras ecológicas

Certifique-se de que está a comprar chão de madeira certificada, ou seja, que é proveniente de bosques geridos de maneira sustentável. Ecológico!

 

4 – Vinílicos: mais tempo/dinheiro
Uma opção muito simples e económica: o chão vinílico. É de PVC, imita diversos acabamentos e apresenta formatos distintos, todos muito simples de instalar e de transportar: em tábuas, peças e rolos autocolantes. São bons isolantes acústicos, resistentes às manchas, impermeáveis e antideslizantes, o que os torna perfeitos para instalar em cozinhas, casas de banho… Para além disso, nos vinílicos autocolantes evita-se a sujidade em uniões e juntas. Tenha bastante cuidado para evitar arranhões ou golpes.

5 -Para toda a vida? Madeira!
A madeira maciça pode durar muitos anos, se for cuidada, polida, lixada e envernizada ao longo do tempo. As tábuas colam-se ao chão se a espessura for até 15 mm; se for mais, o melhor será melhor pregá-las.

 

6 – Os ideais para a casa de banho e a cozinha
Para divisões com alto nível de humidade são apropriados os pavimentbs hidrófugos, resistentes às infiltrações de água e à humidade. Os cerâmicos são ideais; os laminados e vinílicos também são impermeáveis ou os de madeira com tratamento anti- humidade. Considera-se que uma madeira é hidrófuga se, ao inchar, o seu volume não aumentar mais de 18%.

 

7 – Multicamada: parquet fácil de Instalar

Uma alternativa à madeira maciça são os parquets multicamada: consiste na madeira natural sobre outras flutuantes, de fácil instalação (por sistema de dique ou coladas entre si) e admitem lixa e verniz.

 

8 – Decore em tons claros se a madeira for escura
O chão de madeira escura (merbau, jatobá, iroko, wengué) ou de laminado que a imita, dá calor, mas escurece. Introduza acabamentos e tecidos claros.

 

9 – Grés porcelânico,o mais resistente
É um pavimento cerâmico de grande dureza, vários acabamentos e quase sem absorção de água. Admite polimento e evita as juntas.

 

10 –  Tenha em conta que os rodapés devem combinar com o chão de madeira e com os laminados  que imitam este acabamento.

Deixar Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *